• Facebook
  • Twitter
  • Google+

O que fazer com os culotes?

14 de fevereiro de 2014

Uma das várias áreas do corpo propícia ao acúmulo de gordura é a lateral do O que fazer com os culotesquadril. O tão temido culote, afeta milhões de mulheres em toda parte do mundo e pouquíssimos homens. Originário no período da adolescência, esse acúmulo vai se desenvolvendo durante os períodos de mudanças hormonais femininas e pode acabar tornando a forma do corpo desagradável e incômoda.

Como a gordura é a principal responsável pelo aparecimento dos culotes, para evita-lo, é ela que deve ser a primeira a ser eliminada. Para isso, nada melhor do que os exercícios aeróbicos como caminhada, bicicleta, esteira, elíptico, spinning, step, jump, entre outros que auxiliam na queima das gorduras localizadas nessa área específica.

Além dos exercícios, existem também os chamados tratamentos de redução de medidas, tais como a Drenagem Linfática, que diminui a retenção de líquido e aumenta o metabolismo melhorando a queima de gordura, além de tecnologias como o Ultrassom Cavitacional e o Manthus que são capazes de alcançar algumas células de gordura mais profundas, ajudando na sua quebra.

Contudo, não é somente a atividade física ou as terapias com aparelhos que poderão ajudar na queima das gorduras dos quadris. Assumir novos hábitos alimentares com o consumo de alimentos nutritivos, não calóricos e não gordurosos, é a melhor maneira de perder os culotes.

Mas, após perder a gordura localizada, a região do culote pode ficar flácida. Para combater essa flacidez são necessários exercícios localizados como agachamento, adutores e abdutores.

Comentários