• Facebook
  • Twitter
  • Google+

Exercícios fisioterapêuticos para fortalecer os músculos do pé.

19 de setembro de 2016

0919_gisele-blasioli_fisioteradicas_exercicios-fisioterapeuticos-para-fortalecer-os-musculos-do-pe-siteA maioria dos treinos de musculação busca um melhor desempenho nos esportes através do fortalecimento de panturrilha, quadríceps, posterior de coxa, glúteos, costas, abdominais…. Mas você sabia que os músculos do pé também precisam ser fortalecidos?

A fraqueza destes músculos faz com que outras estruturas anatômicas do pé fiquem sobrecarregadas quando aumentamos a carga de exercícios, podendo gerar tensões musculares, tendinites, fasceíte plantar e até um desgaste ósseo precoce.
Por exemplo, dores na panturrilha e no joelho podem ser causas por um mau funcionamento do pé, pois ele é a base do corpo e precisa dar suporte e alinhamento para o restatnte da perna. A diminuição da força dos músculos do pé é mais comum do que se imagina, pois a maior parte do tempo usamos sapatos, o que diminui os estímulos sobre essa musculatura.

Se você pratica esportes coletivos, gosta de caminhar ou correr, deve incluir em sua rotina exercícios de fortalecimento do pé para evitar sobrecargas e possíveis lesões nesta região.

Como a fisioterapia pode ajudar no fortalecimento dos músculos dos pés?

A fisioterapia vai identificar o tipo de pisada, quais os músculos que estão tensos e quais estão fracos. A reabilitação do pé e tornozelo inclui exercícios de estabilização dinâmica corporal, fortalecimento dos músculos intrínsecos do pé, fortalecimento excêntrico, controle, equilíbrio e estímulo de resposta de reação (propriocepção).
O protocolo tem uma duração de 12 a 20 semanas e posteriormente é possível manter o fortalecimento sozinho após as orientações corretas de execução e controle muscular durante os movimentos.

Dicas para fazer em casa:

  • Ande mais descalço: a sola do pé é cheia de sensores que ajudam o cérebro a controlar melhor o movimento e o equilíbrio, então é importante tirar os sapatos e sentir o chão de vez em quando.
  • Em pé, tente deixar o arco interno do pé mais alto, sem mover o restante da perna. Você deve sentir que está fazendo força nos músculos da sola do pé. No começo é difícil mas é só uma questão de prática.
  • Eleve somente o dedão e depois eleve os outros dedos mantendo o dedão no chão. Abra e feche os dedos.
  • Arraste os dedos no chão como se quisesse usá-los para puxar algo para perto de você.

A Clínica de Fisioterapia Gisele Blasioli atua na prevenção e tratamento de disfunções musculoesqueléticas que afetam os ossos, músculos, tendões, ligamentos e articulações. Utiliza os recursos terapêuticos para aumentar a capacidade de movimentação, estimular a circulação e diminuir as dores. Reabilita com exercícios terapêuticos que devolvem a mobilidade corporal, fortalecendo os musculos melhorando a estabilidade articular.

A fisioterapia atua nas mais diferentes áreas com procedimentos, técnicas, metodologias e abordagens específicas que têm o objetivo de avaliar, tratar, minimizar problemas, prevenir e curar as mais variadas disfunções. Além disto, a complexidade da profissão reside na necessidade do entendimento global do ser humano.

Estas são as Dicas de Fisioterapia – Fisioteradicas! Não se esqueça de Curtir nossa página no Facebook para não perder nenhuma Fisioteradica!

Gisele Blasioli

Crefito 32610 (saiba mais)

Comentários