• Facebook
  • Twitter
  • Google+

Fibromialgia e Pilates

24 de julho de 2014

Quem sofre de Fibromialgia sabe como é difícil tratar os desagradáveis sintomas que acompanham essa afecção.

fibromalgiaCansaço inexplicável, sono não reparador, rigidez muscular matinal, sensação de inchaço, dor persistente e sem causa aparente no pescoço, ombros, região lombar, intestino irritável e até mesmo problemas cognitivos com a memória.

É muita coisa para um corpo só!! Você precisa relaxar…

A boa notícia é que as pesquisas científicas vêm demonstrando que o Método Pilates pode trazer benefícios não somente nos vários sintomas da fibromialgia, mas principalmente na melhora do bem estar global de quem sofre da doença.

Uma pesquisa realizada na Turquia dividiu 50 pacientes fibromiálgicas em dois grupos: um deles praticou Pilates e outro que praticou exercícios em casa. O grupo do Pilates obteve  alterações significativas nas dores, enquanto que o outro grupo teve pequenas alterações, não significativas.

Este tipo de comprovação estão entrando na agenda dos tratamentos de fibromialgia e a medicina moderna vem  indicando, cada vez mais, a prática do Pilates aos seus pacientes.

A melhora das dores e dos desconfortos ocorre porque os exercícios contidos no método, além de alongar todo o corpo de forma sutil e gradual, traz um equilíbrio postural para a coluna e um fortalecimento muscular positivo, além de provocar um relaxamento permanente, nos corpos e nas mentes.

 

Comentários