• Facebook
  • Twitter
  • Google+

Tratamento Fisioterapêutico das Tendinopatias

17 de outubro de 2016

1017_gisele-blasioli_fisioteradica_tratamento-fisioterapeutico-das-tendinopatias-siteA tendinopatia é uma lesão de sobrecarga ou por esforço repetitivo, que afeta um ou mais tendões, gerando muita dor, inflamação e até deformidades ósseas quando crônicas. Os tendões são estruturas anatômicas que unem os músculos aos ossos, dando movimento aos mesmos. Portanto, em todo corpo, onde há tendão, pode haver tendinite.

Tratamento das Tendinopatias

Repouso:

O tratamento deve sempre começar com medidas conservadoras, incluindo a proteção, repouso relativo, para reduzir a sobrecarga e o esforço repetitivo sobre o tendão.

 

Crioterapia:

Gelo, compressão e elevação são medidas comuns e muito eficazes na fisioterapia. O gelo age como anti-inflamatório e reduz o inchaço local. Pode ser realizado de 3 a 4 vezes por dia, respeitando um intervalo de 2 horas entre as aplicações. Cada aplicação deve durar no máximo 30 minutos. Em regiões menores pode ser 20 minutos.

 

Modalidades de exercício de reabilitação:

Os exercícios de reabilitação envolvem um programa de alongamento e fortalecimento e devem ser iniciados precocemente.

 

Alongamentos:

Esse tipo de exercício reequilibra a musculatura e evita lesões, pois garante a diminuição das forças e tensões sobre o tendão.

 

Fortalecimento excêntrico:

Devem ser iniciados brevemente e a dor deve ser tolerável pelo paciente. Este tipo de exercício atua na orientação da cicatrização das fibras do tendão, reorganizando a fibra de maneira ideal, fortalecendo o tendão para suportar melhor a carga.

 

Recursos Fisioterapêuticos:

Incluem ultrassons, laser, ondas curtas e TENS que auxiliam no quadro inflamatório.

Descansar e evitar atividades muito fortes para o tendão. É necessário diminuir a intensidade dos treinos para evitar que as dores voltem.
A Clínica de Fisioterapia Gisele Blasioli atua na prevenção e tratamento de disfunções musculoesqueléticas que afetam os ossos, músculos, tendões, ligamentos e articulações. Utiliza os recursos terapêuticos para aumentar a capacidade de movimentação, estimular a circulação e diminuir as dores. Reabilita com exercícios terapêuticos que devolvem a mobilidade corporal, fortalecendo os musculos melhorando a estabilidade articular.

A fisioterapia atua nas mais diferentes áreas com procedimentos, técnicas, metodologias e abordagens específicas que têm o objetivo de avaliar, tratar, minimizar problemas, prevenir e curar as mais variadas disfunções. Além disto, a complexidade da profissão reside na necessidade do entendimento global do ser humano.

Estas são as Dicas de Fisioterapia – Fisioteradicas! Não se esqueça de Curtir nossa página no Facebook para não perder nenhuma Fisioteradica!

Gisele Blasioli

Crefito 32610 (saiba mais)

Comentários