• Facebook
  • Twitter
  • Google+

A Fisioterapia e a Síndrome do Piriforme

25 de abril de 2016

O que é Síndrome do Piriforme?

0424-Fisioteradica-A-Fisioterapia-e-a-Síndrome-do-Piriforme-SITEPiriforme é o nome de um músculo que está localizado na região do bumbum, e o nervo ciático que sai da coluna lombar, tem seu trajeto passando bem no meio do piriforme.

Quando o músculo piriforme está tenso, seja por hipertrofia, espasmo ou compressão local prolongada, o nervo ciático fica comprimido e começa a gerar dor. A Síndrome do Piriforme é caracterizada pela compressão do nervo ciático neste local.

Causas da Síndrome do Piriforme

A síndrome acomete corredores, ciclistas e praticantes de academia. Ficar sentado por longos períodos no carro, ou no escritório, assim como sofrer impactos repetitivos no local, como nos praticantes de ciclismo, hipismo e até quem utiliza muito motocicletas, pode sentir dor no local do glúteo.

A dor é profunda e localizada no glúteo (bumbum), podendo irradiar para a coxa do mesmo lado.
Piora ao caminhar, correr, sentar e levantar de uma cadeira, cruzar as pernas ao sentar.

Tratamento da Síndrome do Piriforme

Após o diagnóstico médico o tratamento pode ser feito com medicamentos, fisioterapia e mudança de hábitos posturais no dia a dia.

Fisioterapia na Síndrome do Piriforme

A fisioterapia na Síndrome do Piriforme aguda consiste em terapia analgésica e anti-inflamatória com o uso de recursos físicos como o Laser, Ultra-som, Ondas Curtas e TENS.

Exercícios de alongamento dos músculos do quadril são realizados frequentemente e com prioridade para aliviar a tensão muscular e o fortalecimento dos glúteos deve ser moderado e sempre acompanhados com os exercícios de alongamento.

 

A Clínica de Fisioterapia Gisele Blasioli atua na prevenção e tratamento da Síndrome do Piriforme. Utiliza os recursos terapêuticos para aumentar a capacidade de movimentação, estimular a circulação e diminuir as dores. Reabilita com exercícios terapêuticos que devolvem a mobilidade corporal, fortalecendo e alongando os musculos para melhorar a estabilidade articular.

A fisioterapia atua nas mais diferentes áreas com procedimentos, técnicas, metodologias e abordagens específicas que têm o objetivo de avaliar, tratar, minimizar problemas, prevenir e curar as mais variadas disfunções. Além disto, a complexidade da profissão reside na necessidade do entendimento global do ser humano.
Estas são as Dicas de Fisioterapia – Fisioteradicas! Não se esqueça de Curtir nossa página no Facebook para não perder nenhuma Fisioteradica!

 

Gisele Blasioli

Crefito 32610 (saiba mais)

 

Comentários